Documentário Fronteiras Urbanas

MOSTRA COLETIVA DO DOCUMENTÁRIO FRONTEIRAS URBANAS: Por dois anos e meio, doze etnógrafos críticos interdisciplinares desenvolveram um projeto de investigação com duas comunidades situadas na Costa de Caparica (Portugal) chamado Fronteiras Urbanas (FU) - apoiado pela Fundação para a Ciência ea Tecnologia e com base no Instituto de Educação da Universidade de Lisboa. O FU surgiu como um álibi para um grupo de pessoas ficarem juntas de uma forma "legal". Este grupo era constituído por académicos, pescadores e moradores de um assentamento semi-ilegal reunidos na luta contra a política local, que tem mantido uma política de medo e prazer sádico. O acesso a água tem sido a principal ferramenta neste jogo político. As três tarefas científicas propostas pelo FU ( Alfabetização Crítica, Cartografia Múltipla, Histórias de Vida) foram desenvolvidas por membros das três comunidades e não são nada mais do que "portas científicas" para reclamar: ÁGUA no assentamento semi-ilegal constituído nos últimos 40 anos; espaço para a VOZ da comunidade piscatória sobre as decisões políticas locais; e os nossos direitos para exercer uma EDUCAÇÃO EMANCIPATÓRA. Este projeto trouxe escolhas perturbadoras feitas nos processos educativos comunitários vividos in loco, o qual convidou todos os seus actores sociais a reconhecerem que "a desumanização, embora um fato histórico concreto, não é um destino dado".

Data de Início: 
Quinta, 17 Novembro, 2016 - 16:30
localização: 
Rua Serafim Martins S/N - Edifício GAC
2825-409 Costa da Caparica
Portugal